O nosso Mundo

geociência, botânica, zoologia e biologia

ALTERAÇÕES CLIMÁTICAS: O VERDADEIRO PESADELO?
17 de maio · 19h00 · online · gratuito 
8iGbqeMyT.png
Ana Miranda.jpg

Ana Miranda -  Ozono troposférico e alterações climáticas: nas vinhas há a verdade

Ana Miranda (CESAM e DAO, UA)

Professora Catedrática e Diretora do Departamento de Ambiente e Ordenamento da Universidade de Aveiro. É membro do Centro de Estudos do Ambiente e do Mar, sendo a coordenadora do Grupo de Investigação Processos Atmosféricos e Modelação. Desde a sua Licenciatura que desenvolve atividade na área da qualidade do ar e alterações climáticas.

A produção de vinho pode ser afetada pelo ozono troposférico, em particular em cenário de alteração climática. Nesta conversa, abordaremos os efeitos do ozono nas vinhas da Região Demarcada do Douro, com base nos resultados do projeto de investigação DOUROZONE, que investigou a exposição ao ozono das vinhas, em clima presente e futuro.

José Alves.JPG

José Alves - Respostas das aves limícolas migradoras ao aquecimento no ártico: que fazer quando a coisa aquece?

José Alves (CESAM e Dbio, UA)

Ecologista e conservacionista que tenta decifrar as respostas da biodiversidade às alterações globais. Estuda aves migradoras, particularmente as aves limícolas, que se encontram na linha da frente das alterações globais, tanto nas suas áreas de reprodução no ártico e sub-ártico, bem como nas zonas húmidas que habitam durante o inverno.

Várias espécies migram para o ártico durante a época de reprodução. As aves limícolas, recordistas mundiais dos voos migratórios de maior endurance, desempenham longas viagens cada ano para acasalar. Mas é também nos polos que o aquecimento global se manifesta de forma mais acentuada. São estas aves capazes de lidar com a exigente fase de reprodução quando a temperatura sobe?